fbpx

Esboço de pregação para culto de ano novo, fim de ano na igreja.

Estive meditando em uma mensagem para o fim de ano e me veio na mente o famosos texto que diz: “Ensina-nos a contar os nossos dias…” e foi aí que eu disse vou estudar este salmo e refletir sobre ele no culto de fim de ano e percebi que este salmo é mais maravilhoso para refletirmos sobre o novo ano que se inicia do que eu imaginava.  

O fim de ano é um período que tomamos como um momento de renovar as esperanças para viver um ano diferente e quero te apresentar a perspectiva deste salmo para que você possa contar os seus dias e alcançar um coração cada vez mais sábio em 2019. Deus nos abençoe! 

Este salmo desenvolve uma perspectiva depressiva sobre a vida e existência e nos mostra como vencer esta perspectiva quando buscamos a Deus. Será que você não tem vivido cada ano como nada mais que um ano que passou sem alegria e sem sentido pra avançar e valorizar o que Deus te deu? Vamos ver neste salmo algo interessante sobre o sentido da vida e como achar alegria de viver em Deus

90:1-4 – Descrevendo quem Deus é para todos? Qual a sua relação com estas coisas? (PARA NÓS, PARA A CRIAÇÃO, SERES HUMANOS E O TEMPO) 

– O salmista prepara todo o pano de fundo para suas reflexões e estes são importantes para nos colocar dentro da correta perspectiva do salmo:  

90:1 – PARA NÓS – PARA AQUELES QUE CONFIAM NO SENHOR E JÁ SE RELACIONAM COM ELE – Deus como nosso refúgio 

– O crente deve ter esta perspectiva sobre Deus  

– O pecado é mestre em fugir das circunstâncias para longe de Deus, mas o homem deve fugir na direção de Deus 

APLICAÇÃO: DEUS TEM SIDO O TEU REFÚGIO? Pois esta perspectiva é importante para toda a discussão deste salmo diante de uma perspectiva depressiva da realidade da vida neste mundo caído por causa do pecado   

90:2 – PARA A CRIAÇÃO – Deus como o criador eterno de todas as coisas  

– Deus é a causa de todas as coisas e a razão para elas existirem, quer entender uma obra então pergunte ao criador mas tirar o criador desta perspectiva tudo perde o sentido de existir  

90:3 – PARA OS SERES HUMANOS – Deus como Soberano sobre a vida e morte dos seres humanos  

– Deus não criou o homem para a morte mas a morte veio por causa do homem. A vida aqui nestas condições são um meio de misericórdia para evitar a condenação rápida e dar ao homem tempo de avaliar sua existência (acesso a GRAÇA COMUM e GRAÇA SALVÍFICA) produzindo em sua condenação glória para Deus (como JUSTIÇA à maldade) e na sua salvação a mesma glória para Deus (como GRAÇA SALVÍFICA diante de sua obra de misericórdia)   

90:4 – PARA O TEMPO – Deus como alguém que está acima do tempo  

– Deus como detentor da história e interventor principal não escravo das circunstâncias e do tempo provando sua grande SOBERANIA   

90:5-10 – Os Efeitos da queda sobre a vida humana e seu relacionamento com Deus  

90:5-6 – Deus faz o tempo avançar vendo os homens viverem como seres breves diante da eternidade  

90:7-9 – A condição pecaminosa do homem o assombra diante de Deus como aquele que é conhecedor de tudo e o leva a suspirar diante desta verdade 

90:10 – A vida é breve e a velhice é dolorosa  

– A VELHICE É UMA OBRA DE MISERICÓRDIA DE DEUS SOBRE O HOMEM: 

– Ela nos dá sabedoria de vida  

– Ela nos tira as forças e orgulhos humanos que nos cegam na juventude 

– Ela pode ser fonte de alegria diante do final do salmo como veremos    

90:11-12 – Como devemos encarar a vida diante da verdade de Deus sobre a condição caída humana? 

90:11 – Devemos temer a Deus pois nossa condição de pecado desperta sua ira diante de nós  

90:12 – Precisamos que Deus nos ensine a compreender profundamente nosso tempo de vida para viver sabiamente 

APLICAÇÃO: Devemos entender que a vida é feita de etapas e cada etapa tem sua função na construção de uma história de vida e deve ser corretamente aproveitada pois há um tempo para cada propósito debaixo do céu. ESTE ANO DE 2019 SERÁ SEU TEMPO PARA O QUE? Uns vão terminar os estudos, outros vão casar, outros vão se concentrar nos estudos, outros precisam avançar na vida, outros precisam recuara pois estão correndo demais e você? 

Se este salmo terminasse aqui teríamos uma profunda depressão existencial, mas é aqui que o salmista lança a perspectiva de um crente sobre a vida vivida aqui para a glória de Deus   

90:13 – A oração de clamor e as petições de uma vida satisfeita em Deus  

90:13 – A oração de clamor pela misericórdia de Deus neste mundo caído  

90:14 – Desejo pela SATISFAÇÃO NO AMOR de Deus para cantarmos felizes 

90:15 – Desejo pela ALEGRIA DE VIVER no Senhor   

90:16 – Desejo de CONTEMPLAR AS OBRAS DO SENHOR entre as gerações 

90:17 – Desejo de SENTIR A BONDADE DE DEUS sobre nós e sentir satisfação no CONSOLIDAR DAS NOSSAS OBRAS (realizar nossa missão divina) como perenes em Deus 

– Sentir prazer final ao ver que vivemos e fizemos obras perenes para a Glória de Deus e cumprimos nossa missão em vida dada por Deus como bênção a ser contemplada eternamente junto com o Senhor  

APLICAÇÃO:  

– Diante de tudo o que vimos aqui te pergunto qual perspectiva você tem desenvolvido sobre a vida? A perspectiva de Deus ou a sem Deus?  

– Uma perspectiva da vida de Deus nos faz desejar viver para a Glória de Deus pois sabemos que a vida é um presente de Deus, que a vida é algo rápido e que deve ser aproveitado em cada fase e etapa com sabedoria e esta só se adquire sob a presença de deus. 

– A vida corretamente vivida possui estes desejos e elementos e assim fugimos da depressão existencial que tenta nos afundar em tristeza. Entre eles quais você tem vivido diante de Deus? 

–   SATISFAÇÃO NO AMOR 

– ALEGRIA DE VIVER 

– CONTEMPLAR AS OBRAS DO SENHOR 

– SENTIR A BONDADE DE DEUS 

– CONSOLIDAR DAS NOSSAS OBRAS 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *